Por: ASCOM/PRF
26/06/2024 - 09:40:15

 

Apesar dos esforços de intensificação das fiscalizações registrou-se um aumento no número de flagrantes de imprudências. Mais de 1.300 motoristas form autuados por ultrapassagens em locais proibidos.

 

DSC_1438.JPG

Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou a Operação São João 2024, realizada de quinta-feira (20) a terça-feira (25), com resultados positivos em termos de segurança e fiscalização nas rodovias federais que cortam o estado da Bahia. Durante este período, marcado por um aumento expressivo no fluxo de veículos, as principais rodovias do estado, incluindo as BRs 324, 101, 116 e 242, registraram tráfego intenso, especialmente na sexta-feira (21) e no retorno dos festejos na terça-feira (25). 


Resultados Operacionais

A PRF reforçou a fiscalização focando nas principais infrações que frequentemente estão associadas a acidentes graves. Entre as ações prioritárias, destacam-se a fiscalização de embriaguez ao volante e excesso de velocidade, a repressão a ultrapassagens indevidas, a verificação do uso de cinto de segurança e dispositivos de retenção para crianças, o combate ao uso de celular ao volante e o monitoramento de veículos trafegando pelo acostamento.

Durante os seis dias de operação, a PRF registrou 77 acidentes, mesmo número do ano anterior. Destes acidentes, 25 foram graves e 14 pessoas vieram a óbito.

Balanço de acidentes Operação São João 2023 x 2024
  2023 2024
Total de acidentes 77 77
Acidentes Graves 23 25
Feridos 86 92
Óbitos 17 14

No período, foram realizados quase 6 mil testes de alcoolemia, resultando na detenção de 4 motoristas embriagados e na emissão de 132 autos de infração devido a mistura de álcool e direção.

Outras infrações detectadas incluem:

    • 377 pessoas flagradas sem cinto de segurança, incluindo motoristas e passageiros
    • Mais de 1.300 autos de infração por ultrapassagens indevidas
    • Mais de 1.000 registros de imagens por excesso de velocidade utilizando o radar portátil
    • Aumento de 327% nas autuações por uso de celular ao volante. Passando de 47 notificações no ano passado para 201.
    • Crescimento de 76% nas infrações por motociclistas sem capacete. Passando de 63 notificações no ano passado para 111.

Estas estatísticas sublinham o esforço contínuo da PRF em coibir comportamentos que colocam em risco a segurança de todos os usuários das rodovias.

Educação e Conscientização

Durantes as fiscalizações, a PRF abordou mais de 7.800 veículos, utilizando essas interações para averiguar o cometimento de infrações de trânsito e crimes e realizar trabalhos educativos e conscientizar motoristas e passageiros sobre a importância de respeitar as leis de trânsito. Este esforço educativo é fundamental para promover uma cultura de segurança nas estradas, especialmente durante o período junino, que é tradicionalmente marcado pelo maior aumento no fluxo de veículos nas rodovias baianas.

Combate ao crime

Durante a Operação a PRF aplicou esforços também no combate ao crime, destacando-se pela utilização de cães de faro altamente treinados. Esses cães são capazes de identificar a presença de ilícitos nos mais diversos compartimentos dos veículos, contribuindo significativamente para a eficácia das operações.

Durante este período, 35 pessoas foram detidas devido a crimes diversos, com destaque para a recuperação de 16 veículos frutos dos crimes de furto e roubo. 

A PRF anuncia que continuará reforçando a fiscalização durante o período de São Pedro, que é caracterizado por festividades em várias regiões do interior baiano. 

 


Enquete

Eunápolis :2024 é ano de eleição municipal. Você votará para reeleger atual prefeita ou eleger outro (a) candidato (a)?




VOTAR PARCIAL