Por: Tássio Loureiro / AtlanticaNews
05/10/2021 - 08:36:27

Nesta segunda-feira (04/10) um homem compareceu no Complexo Policial de Eunápolis informando que emprestou o seu celular para Amarílio Monteiro Medina Procópio, o qual usando de esperteza contraiu um empréstimo bancário em nome da vítima no valor de R$ 26.875,00.

Informou ainda que Amarílio, após fazer o empréstimo transferiu o valor para sua conta através de um PIX. 

Os fatos foram comprovados através da movimentação bancária da vítima. Os agentes da delegacia de repressão a furtos e Roubos da Polícia Civil, realizaram diligência para localizar o autor do crime, porém não foi possível lograr êxito.

A polícia representou pelo bloqueio da conta do estelionatário perante o Plantão Judiciário e com parecer favorável do Ministério Público foi decretada na manhã desta terça-feira (05/10) o bloqueio da conta, viabilizando assim a recuperação do dinheiro da vítima. 

Amarilio é acusado de praticar vários golpes financeiros em Eunápolis e região. Na última sexta-feira (01/10), o acusado foi detido após tentar comprar uma caixa de cigarro da marca Gudang em um bar no bairro Gusmão.



De acordo com as informações, Amarilio iria pagar a caixa de cigarro com um cheque em nome de outra pessoa, mas o mesmo já tinha um debito no estabelecimento comercial pois teria passado um cheque sem fundo no valor de R$ 2.000,00. No momento da transação os policiais chegaram e conduziram Amarílio para a delegacia. 

Após ser ouvido e firmado um acordo em pagar o proprietário do bar, Amarílio foi liberado, em seguida várias denúncias chegaram contra o acusado inclusive essa do empréstimo bancário em nome do seu amigo. 

Os agentes investigativos estão trabalhando a procura do acusado. 

A Polícia Civil disponibiliza um disque denúncias anônimas para a população (73) 98168-0106.    


Enquete

Você acha que Jair Bolsonaro deve ser indiciado na CPI da Covid?




VOTAR PARCIAL