Por: Tássio Loureiro / AtlanticaNews
13/05/2020 - 21:29:45


Foto: Reprodução SulbahiaNews

Na última segunda-feira (11), o cigano Pascoal Ribeiro Dantas de 48 anos foi assassinado a tiros na Avenida Anhanguera, em Goiânia-GO.

Segundo as informações, Pascoal estava em uma Land Rover parado no semáforo quando foi surpreendido por um atirador que estava em uma motocicleta.  

No carro com Pascoal estava sua filha, quando o criminoso deflagrou os disparos de arma de fogo. Policiais que estavam próximo trocou tiros com o bandido que após ser atingido caiu da motocicleta e foi a óbito no local.

O cigano e sua filha foram socorridos para o hospital, onde Pascoal não resistiu e foi a óbito.

Pascoal era membro de uma família de ciganos que atua na Bahia, as brigas entre eles já contabilizam vários assassinatos. Um desses crimes aconteceu em Eunápolis.

Entre os crimes cometidos por Pascoal e seus irmãos estão o assassinato de José Paulo de Almeida Dantas, genro de Pascoal, em 02 de novembro do ano passado em Eunápolis. Outro crime imputado a família cigana é o sequestro e morte de um sobrinho de Pascoal.

Em 2017, Pascoal junto com seu irmão o Luciano Dantas, teriam sequestrado seu primo Iranildo Gama Queiroz e exigido R$ 5 milhões para libertar o rapaz, como o pai da vítima, Zanata Dantas só pagou R$ 500 mil, os irmãos mataram o sobrinho, esquartejaram e mandaram a cabeça da vítima para seu pai.

O comando da PM informou que o suspeito de atirar nos ciganos portava uma pistola calibre 380, enquanto a vítima portava uma pistola calibre ponto 40 com dispositivo para disparar rajadas, quatro armas foram apreendidas com os envolvidos.

Os outros criminosos foram localizados através de imagens de câmeras de segurança. Com eles foram apreendidos dois carros, sendo eles um Fox e um Logan.


Enquete

Como você tem vivido financeiramente durante a pandemia?






VOTAR PARCIAL