Por: Jornal do Sol/Ascom PMPS
23/01/2021 - 21:25:09

Em 146 degraus, que tem início na Ladeira da Santa e culminam no mirante das fitas, no Centro Histórico de Arraial d’Ajuda, a popularmente conhecida Escadaria da Santa, recebeu o trabalho do mosaicista Gabriel Güyrá e sua equipe, para contar a história dos 471 anos de fé e devoção a N. Sra. d'Ajuda e do distrito dedicado à santa. A história já pode ser acompanhada pelos visitantes. No fim da tarde de 22/01/21, a intervenção foi aberta ao público, que já pode conferir, a cada passo, um novo capítulo, um novo olhar sobre cada pedacinho de Arraial.

Já no início da subida, os degraus trazem a imagem da santa e a oração devotada. Em sequência, os mosaicos se desdobram mostrando a igreja e seu casario, a romaria cheia de cores, o andor e as pessoas que a acompanham. Não faltou a máxima do banho da santa “quem beber agua da fonte, ou nela se banhar, a Arraial sempre voltará!” Palavras, imagens e emoção em cacos de azulejo colorido, finamente talhados emolduram e escrevem a história e coroam as belezas e particularidades de cada cantinho do distrito.

As praias também são lembradas: Apaga fogo, Araçaípe, Pescadores, Mucugê, Parracho, Pitinga, Lagoa Azul, Taípe e Rio da Barra, bem como sua fauna e flora, que compõe o final do trajeto. Há ainda um espaço de descanso: o “banco do paga mico e a rampa da preguiça”. O projeto também beneficia o espaço com iluminação fotovoltaica, decks de madeira, paisagismo, pintura do “banho da santa” e um “chuveiro” para se banhar com as águas milagrosas. 

Projeto Adote um Degrau

Por meio do Projeto Adote um Degrau, a comunidade e empresários ajudaram a construir a obra. A iniciativa que teve início em setembro de 2020, já tinha o projeto aprovado pelo Iphan, mas precisava desse aporte financeiro. Segundo o artista Gabriel Guyrá para a concepção da obra na escadaria foram realizados estudos com documentos oficiais antigos da paróquia, histórias e depoimentos. “Foi dessa forma que resolvi contar a história religiosa do Arraial, sobre a fonte, a fundação da Igreja, os relatos de milagres, a romaria e a representação da natureza – fauna e flora, a lua nascendo no mar e outros elementos importantes que ainda serão finalizados. Um fato interessante é que toda a obra foi construída com água da fonte milagrosa”, comentou, informando que ainda estão pleiteando certificar o local como patrimônio artístico, histórico, cultural e religioso do município.

Membro do Arraial do Bem, Angélica Cavalheiro, revelou que o resultado da obra excedeu em muito as expectativas. “Começou como uma reforma da escada e terminou com a requalificação total de uma área que não tinha nenhum ou pouco destaque. Toda comunidade está encantada e feliz pelo resultado, elogiam o tempo todo e sempre chega mais gente. O fato de ter sido realizada com recursos privados, de grande apoio da comunidade, criou ainda mais reconhecimento pois temos a expectativa de que este tipo de projeto seja executado com recursos setor públicos - o que é correto, mas improvável. Então todos ganhamos. O Arraial do Bem tem uma slogan - Eu faço, Eu cuido. Um chamado ao protagonismo do cidadão para melhorar o lugar onde está”, declarou.

O reitor do Santuário de Nossa Senhora d'Ajuda, Pe. Casimiro Malolepszy, revela que a proposta de revitalização da Fonte da Santa teve início em 2019, com o intuito de devolver ao local seu protagonismo. Com a pandemia, os projetos tiveram que ser paralisados, mas a ideia não foi abandonada.

“Em uma conversa com membros do Arraial do Bem demos o start no projeto, que também incluiu a escadaria, já que entendemos ser parte do complexo. Assim iniciou-se a Campanha Adote um Degrau, para angariar fundos para a obra, que será entregue hoje à população. Isso traz o sentimento de satisfação, alegria muito pelo fato de como tudo ocorreu: a mobilização, o amor pela história e representatividade do local e o papel da comunidade – antes e depois, já que a manutenção do local também contará com a participação da mesma”, finalizou reforçando a importância da Fonte da Santa como ponto turístico, cultural, histórico, religioso e a partir de agora, artístico. Agora, a subida ficou mais demorada e menos cansativa pois há de se fazer tempo para contemplar pela beleza do lugar.


Enquete

Para você, o aumento dos combustíveis é responsabilidade de qual governo?




VOTAR PARCIAL