Por: A Tarde
02/01/2022 - 17:25:31

O Deliberativo aprovou relatório da Comissão Processante que investiga o cartola afastado.

O Vitória está mais próximo de definir a conturbada situação política do clube. Em reunião realizada na noite de segunda-feira, 27, o Conselho Deliberativo rubro-negro aprovou o relatório da Comissão Processante que investigava Paulo Carneiro. Ao concordar com as denúncias de gestão temerária, o Leão se aproxima da destituição do cartola.

Ainda não existe um prazo definido, mas nas próximas semanas o Conselho Deliberativo vai convocar uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE), na qual os sócios aptos vão votar a favor ou contra a saída definitiva de Paulo Carneiro.

 

Antes disso, outras duas representações contra o mandatário serão analisadas. Uma delas envolve os equipamentos de ginástica do clube que foram levados para a casa de Paulo Carneiro. A outra diz respeito a contas questionadas pelo Conselho Fiscal.

 

Paulo Carneiro está afastado do cargo de presidente do Vitória desde o dia 2 de setembro. Ele seguirá com esse status até o dia da AGE, quando poderá retornar ao cargo, ou será definitivamente destituído.

 

O cartola tinha o direito de se defender durante a reunião do Conselho Deliberativo, mas não esteve presente no encontro. A manifestação do mandatário veio em áudios vazados nas redes sociais.

 

“Não sei o que foi apresentado no relatório. Sei que tudo está ilegal. O processo é político. Tudo é um jogo. Ilegal. Se eles estão me acusando, eu nego qualquer acusação, porque eu não fiz nada errado. Agora os sócios decidem se querem um futuro comigo ou com eles. Minha história no Vitória fala por mim”, disse Paulo Carneiro, logo após o fim da reunião do Conselho.

 

Orçamento aprovado

 

Na mesma reunião, o Conselho Deliberativo aprovou o orçamento de R$ 29 milhões para a próxima temporada. O valor é quase o dobro do que foi recomendado pelo Conselho Fiscal do clube para 2022, ano em que o Vitória vai disputar a Terceira Divisão do futebol nacional: R$ 16 milhões.

 


Enquete

Para você, o aumento dos combustíveis é responsabilidade de qual governo?




VOTAR PARCIAL